Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jonasnuts

Piolhos

Ando para escrever este post há uns anos valentes. Quando eu digo anos valentes, estou a querer dizer há mais ou menos 10 anos, que foi quando tive o problema cá em casa. Tenho tido outras prioridades, claramente.

 

Ora.... na altura, confrontada com a necessidade de erradicar a piolheira cá de casa, debrucei-me sobre o tema da forma habitual como me debruço sobre os temas relacionados com a criança (que, entretanto, já não é criança). Investigo, pergunto, questiono, leio, e depois decido.

 

Não gosto de insecticidas nem de merdas químicas em contacto com o puto. Não gosto, pronto. 

 

A ideia de catar à mão piolhos e lêndeas também não me era propriamente agradável, sobretudo porque as sacanas das lêndeas são transparentes e vêem-se mal, especialmente em couro cabeludo muito branco, rodeado de cabelos muito claros.

 

E foi à procura de alternativas que encontrei os pentes dos piolhos. Não são pentes normais, estes. São eléctricos. Hummmm, um gadget anti piolheira.

 

Li muita coisa, falei com algumas pessoas (online, estrangeiras, que por cá não havia muita informação), falei com a pediatra, toda a gente me dizia maravilhas daquilo, e que não tinha efeitos secundários.

 

Poderia ter comprado online, mas estava com alguma pressa, pelo que tentei as farmácias das redondezas. Uma farmácia no Saldanha não tinha, mas encomendava e chegava nessa tarde (ou no dia seguinte, já não sei).

Comprei a coisa (que não é barata, na altura deverei ter gasto à volta de €50), e vim para casa. Experimentei em mim. Não doía, não arranhava, não fazia comichão.

Aquilo funciona com pilhas, liga-se e emite um zumbido suave mas audível. Penteamos os cabelos que, alegadamente, têm a piolheira. Sempre que o zumbido pára, marchou mais um. Limpa-se o pente (ou soprando o cadáver na direcção da sanita ou usando o meu método, uma escova de dentes velha que a seguir vai para o lixo), e uma vez removido o piolho do pente, regressa o zumbido.

 

Penteia-se a cabeça até deixar de haver zumbidos. Repete-se. Eu usava uma vez de manhã antes de sair de casa, uma vez no regresso a casa, e, logo ao início, uma vez antes de ir para cama.

Repete-se isto durante uma semana, sendo garantido que a partir do 3º dia, deixa de haver piolhos de manhã e à noite, podendo haver um ou outro no regresso a casa (quando apanham na escola e os trazem para casa).

Um descanso. 

Se bem me lembro, pode usar-se com o cabelo molhado, pelo que pais de crianças com cabelo comprido podem lavar o cabelo, pôr muito amaciador, e usar o pente com o cabelo molhado, para não custar tanto.


O meu é desta marca, e tem este aspecto:

 

 

 

 

Provavelmente, já há modelos mais modernos, e deve certamente haver outras marcas.

 

Recomendo vivamente.

 

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    jonasnuts 25.07.2014 11:57

    Parece repost, não parece?

    Mas não é. Fartei-me de escrever isto no Facebook, em comentários a posts de pessoas com problemas de piolhos, mas nunca tinha escrito no blog. E fazia sempre a mesma coisa...... vinha à procura, por achar que já tinha escrito, não encontrava, escrevia o comentário no Facebook.

    Aconteceu ontem outra vez :)

    Desta vez escrevi o post, e agora é só vir aqui buscar o link.
  • Imagem de perfil

    Claudia Borralho 25.07.2014 12:09

    Epá caramba, podia jurar que já tinha lido isto tudinho, no teu blog, há uma série de anos atrás. Lembro-me bem de fazer uma nota mental para quando o puto começasse a ir à escola. Aliás na altura acho que até fui à Amazon pôr na wishlist a porcaria do pente para não me esquecer da coisa!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Pesquisar

    No twitter


    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2005
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D