Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jonasnuts

Jonasnuts

Os cus do pepino

Jonasnuts, 17.07.20

pepino.jpg

Adoro salada de pepino. Nos meses de verão é muito frequente cortar um pepino e uma cebola, temperar com azeite, vinagre de cidra e sal e está feito o jantar. Não tem a ver com dieta, gosto muito.

Trago meia dúzia de pepinos e cebolas doces das compras semanais e tenho o frigorífico apetrechado. 

Sempre que preparo um pepino, lembro-me da minha avó Zita (auto-link).

A minha avó Zita ensinou-me, há muitos anos, que o pepino é amargo e, para se tirar o amargo (ou amargor, como ela dizia), cortam-se os rabos do pepino e esfregam-se no pepino acabado de desrabar. Sai uma nhanha branca (que sai) e pronto, depois descasca-se e corta-se e já não há cá amargo para ninguém.

Sim, já experimentei não cumprir o ritual de esfregar os rabos e sim, é amargo. Já experimentei encurtar o ritual e sim, é amargo. Pode ser sugestão, claro.

Mas faz-me confusão....... como é que esfregar os rabos do pepino tira o amargo?

 

Mais alguém sabe disto? Mais alguém cumpre este ritual? Ou sou só eu (e a minha irmã), que esfregamos os rabos do pepino, para tirar um amargo que só a minha avó Zita e descendência feminina sente?

 

Seja como for, sempre que cortar pepinos, vou continuar a esfregar-lhes os rabos e vou continuar a lembrar-me da minha avó Zita (que sim, chamava-se mesmo assim, Zita Augusta - em honra da última imperatriz da Áustria a cuja coroação a madrinha da minha avó tinha assistido e de onde tinha regressado muito impressionada).

Vá, acusem-se...... quem esfrega os cus dos pepinos?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Jonasnuts 17.07.2020

    Mal tu sabes que a coisa existe e tem nome técnico “to milk de cucumber”, portanto...... ordenhar o pepino, que é o título do meu próximo post :-)
  • Comentar:

    Mais

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.