Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jonasnuts

Último post sobre as já famosas chinelas

As que eu prometi mandar emoldurar, e nunca mais voltar a usar, pelo menos nos pés, fazendo delas um mero objecto de exposição, portanto, o processo de transformar calçado em bibelot.

Bibelotizar o chinelame .

Aparentemente já não é o que vai acontecer. Parece que estas chinelas não foram pensadas nem desenhadas para caminhar longas distâncias (portanto, maratonistas que estavam a considerar a possibilidade, esqueçam). No dia em que me deram cabo dos pés, eu tinha caminhado uma distância razoável (das Angústias até ao Almoxarife), e portanto a razão de tanto pé estragado, foi a distância, e não o recipiente dos meus mimosos pés (uns pés 41 ainda podem ser mimosos)?

E porque é que ela continua a falar das chinelas?

Perguntam vocês muito apropriadamente, porque (respondo eu), as 3 pessoas que aqui vêm (ou que lêem isto de alguma forma), TODAS me perguntaram se as chinelas que eu trazia calçadas não eram as que tinha prometido nunca mais calçar. Para não correr o risco de ter de responder à pergunta mais uma vez (se por um acaso do destino vier aqui mais alguém), ficou o post .

Mas agradeço aos posts das chinelas, quanto mais não sejam porque me deram a conhecer que a minha irmã também vem cá ao burgo.

Comentar:

CorretorMais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D